Estudo aponta que 80% dos dispositivos vendidos em 2022 devem ser compatíveis com o Wi-Fi 6